Refúgio de Hecate

Página 3 de 3 Anterior  1, 2, 3

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Hecate - Narração

Mensagem por Hecate em Dom Mar 20, 2016 9:47 pm

A Toreadora acorda sem preguiça, pondo-se sentada por alguns segundos à guisa de alguém que organiza uma agenda mental. Concluindo que a primeira coisa a se fazer era revitalizar-se, levanta-se ainda com trajes íntimos.
 
Depois de haver se servido de vitae, Hecate se posiciona em frente a um espelho com a taça em mãos, braços cruzados e olhar perdido: "O Dia será longo..." Refletiu.
avatar
Hecate

Mensagens : 91
Data de inscrição : 11/12/2015

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Refúgio de Hecate

Mensagem por Narrador em Dom Mar 27, 2016 7:58 pm

Hecate desperta para mais um dia das noites eternas, se serve da vitae recolhida a poucas horas do seu banco de sangue; tal prática fazia com que a toreadora perdesse um pouco a emoção da caçada, mas ultimamente os dias tem sido longos e cansativos por demais, principalmente após as atribuições recebidas e cargos que bastante lhe ocupava.

Como rotineiramente o faz, checa o telefone e nota ter uma mensagem de voz via whatssap, era de seu contato:

"Esta feito o que me pediu, porém detectei algo estanho; o telefone dele estava grampeado por uma fonte que NÃO CONSEGUI DETECTAR, apesar disso, consegui desfazer o antigo grampo e implantar um novo, utilizando agora de nossa fonte.

Porém teve um probleminha...

Eu tomei a liberdade de checar sua linha, e ela também estava grampeada, também consegui desfazer este grampo...

Após isso, fiquei cismada e chequei a minha própria linha, e notei que ela também estava grampeada. Com mil demônios, esse cara é bom demais!

Estou muito preocupada, será que são eles? (O sabá)"
avatar
Narrador
Admin

Mensagens : 1114
Data de inscrição : 17/11/2015

Ver perfil do usuário http://austinnoturno.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Hecate - Narração

Mensagem por Hecate em Qua Mar 30, 2016 2:05 am

Hecate responde a mensagem (via off), dedilhando o celular com a habilidade de um adolescente. Depois daquela, seguiu para Maxmiliane, no mesmo aplicativo: - Estou ansiosa. Tudo confirmado para hoje? Enquanto aguardava uma resposta da Malkaviana, pousou o aparelho sobre uma mesinha seguindo então até o closet, onde passou a escolher o que vestiria para aquela noite.
avatar
Hecate

Mensagens : 91
Data de inscrição : 11/12/2015

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Refúgio de Hecate

Mensagem por Narrador em Sex Abr 08, 2016 10:12 pm

Off: resposta da pergunta via chat.

Max responde prontamente, parecia estar colada no celular no exato instante que Hecate lhe dirigiu:

***Mensagem***

"Estou me aprontando para este dia, um pouco enrolada, mas fluindo.

Posso te pegar as dez?"
avatar
Narrador
Admin

Mensagens : 1114
Data de inscrição : 17/11/2015

Ver perfil do usuário http://austinnoturno.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Refúgio de Hecate

Mensagem por Narrador em Qua Jun 01, 2016 7:36 pm

Após o falecimento de Ada Kayle, Ernest assumiu momentaneamente o cargo de Primógeno, quando por fim entregaria a Zeladoria do Elísio para a Tremere Marggot.

De todas as tremeres, Marggot é a única que vem se envolvendo em politicagens, mesmo não sendo essa sua maior habilidade.
Até mesmo o Senescal tem se atendo a uma reunião semanal com o príncipe.

...

Hecate viajou recentemente para Acapulco onde abriria um desfile de moda primavera/verão na América Latina. Conseguiu ficar para abertura, mas não faria o fechamento como previsto anteriormente.

Notícias de última hora lhe obrigaram a retornar a Austin as pressas.

Uma represa no parque em Mount Bonnell rompeu e inundou um pequeno trecho ao norte da cidade, e precisavam de sua ajuda por lá; tanto pelos motivos de marketing para angariar fundos e convencer as pessoas a se ajudarem, quanto pelos motivos sobrenaturais. Sendo como fosse, sua presença era importante ali,

Ernest te explicou que não sabe ao certo o que ocorreu, pois foi um acontecimento muito recente, mas tem plena certeza que foi um dos ataques sabás ocorridos na noite passada à cidade.

Além disso explicou também que um caso que foi abafado a tempo, mas não menos importante, ocorreu no Asilo Estadual (Refúgio do Malkaviano Tobin), fazendo com que meras ameaças se tornassem palpáveis a ponto de afirmarem que a guerra entre seitas em Austin finalmente começou.



avatar
Narrador
Admin

Mensagens : 1114
Data de inscrição : 17/11/2015

Ver perfil do usuário http://austinnoturno.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Hecate - Narração

Mensagem por Hecate em Qui Set 01, 2016 2:18 am

Suas incumbências não podiam mais serem prorrogadas e era hora de voltar aos afazeres da cidade Country. As prioridades da atriz nem de longe tocavam nos assuntos tediosos e sempre impregnados de uma crueldade quase irracional, o que fazia a bela Toreadora optar por se distanciar tanto quanto possível.

Desse modo, levantou-se convicta de que precisaria depreender esforços por uma instituição pouco acreditada por si própria: " Pelo menos espero não esbarra com aquele saco de vômito..." Refletiu, calçando um salto alto branco que combinava com seus trajes de dormir, de mesma cor. Como não precisa preocupar-se com a saúde os ossos ou da postura, abusava da elegância que julgava necessária desde o primeiro momento da noite.

Foi assim que caminhou até a sala nos andares inferiores, quando acomodou-se numa poltrona, ligou a TV e mandou uma mensagem textual pelo celular, para Jessie: " Estou na sala. Venha assim que possível..."
avatar
Hecate

Mensagens : 91
Data de inscrição : 11/12/2015

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Refúgio de Hecate

Mensagem por Narrador em Qui Set 01, 2016 2:35 am

Notícias ruins não paravam de chegar pelos noticiários. A mais terrível de todas foi um atentado terrorista que aconteceu na zona norte da cidade no Mount Bonnell.

Eram cerca de 306 mortos confirmados e 113 desaparecidos. A enchente criou transtorno no trânsito e comprometeu parte do abastecimento de sua potável da cidade.

O estado islâmico assumiu a autoria do atentado em uma gravação.

Jessie responde de uma maneira nada esperada por Hecate. Na verdade a notícia recebida não era nada boa.

"Boris esta aqui!"

O que diabos o algoz fazia na sua casa logo no início da noite? por algum motivo desconhecido você liga a presença do Primogênito e algoz nosferatu na sua casa a Stevens.
avatar
Narrador
Admin

Mensagens : 1114
Data de inscrição : 17/11/2015

Ver perfil do usuário http://austinnoturno.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Refúgio de Hecate

Mensagem por Hecate em Ter Set 06, 2016 2:40 am

Fitou a si mesma, avaliando os próprios trajes enquanto tomava uma decisão rápida: "Deixe-o entrar e traga pra sala."

Com o controle, emudeceu a TV e levantou, buscando Vitae numa garrafa no armário.
avatar
Hecate

Mensagens : 91
Data de inscrição : 11/12/2015

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Refúgio de Hecate

Mensagem por Narrador em Ter Set 06, 2016 1:51 pm

Hecate faz conforme deseja, inclusive quanto a vitae retirada na tarde deste dia. Jessie era atenciosa quanto a isso, sempre renovava o estoque conforme aconselhada por sua senhora que tinha um gosto requintado; sangue de jovens vistosos e sadios.

...

Jessie então adentra a sala, acompanhada de Boris Tedesko.

A personificação escolhida pelo nosferatu era de um homem beirando seus cinqüenta anos, mas muito bem conservado. Notoriamente não era americano, talvez europeu.



Seu olhar era muito sério naquele instante, chegando a causar um certo arrepio. Boris não gostava muito de toreadores, inclusive já arrancou o braço de um membro do feudo.

_Boa noite senhorita.

O vampiro então cala-se e abre a boca algumas vezes, por fim estalando uma única vez antes de seguir. Todo este enigmático processo antes da fala ser iniciada de fato, faz com que Hecate ficasse curiosa quanto a pergunta:

_Soube que Stevens esteve aqui recentemente.
_Por que?

Obiviamente Boris se recordava de ter mandado seus homens levar Hecate e Jessie para segurança de seu lar, então, estava claro que não se referia a este dia.
avatar
Narrador
Admin

Mensagens : 1114
Data de inscrição : 17/11/2015

Ver perfil do usuário http://austinnoturno.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Hecate - Boris

Mensagem por Hecate em Qua Set 21, 2016 1:59 am

Quando a figura, tenebrosa por si só, cruza os limites da área externa na companhia de Jessie, passando então a aproximar-se pela sala, Hecate dirige-lhe um olhar analítico enquanto leva a taça até os lábios rosados.

Seus olhos transcenderam a matéria, passando a apresentar-lhe um pouco mais do que se passava na intimidade daquele homem. Hecate sabia o momento de deixar que suas fraquezas ficassem expostas e o momento de esconde-las e, aquele era o momento de atuar afim de passar confiança e força: - Boa noite! Lamento recebe-lo nesses trajes, mas não esperava visita e quando fui informada de que era o Senhor, imaginei a urgência e preferi não fazê-lo esperar.

Deu então uma golada do vitae antes de continuar: - Jessie, querida... Porque não se serve e aproveita para trazer um pouco pro nosso convidado? Disse, sorrindo de forma cortês. Tão logo, apagou a feição simpática e retomou o assunto que interessava: - Antes de te responder, queria que soubesse do meu respeito pelo Senhor. Sei muito bem do que é capaz para defender aquilo no que acredita e essa é uma posição que não posso discordar, mas... Porque eu te devo uma resposta? É um assunto meu, que prefiro manter em sigilo a não ser que haja uma boa razão para fazer o contrário. Como o caso de uma investigação para saber algo sobre Stevens. É disso que se trata? Aconteceu algo com ele?
avatar
Hecate

Mensagens : 91
Data de inscrição : 11/12/2015

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Refúgio de Hecate

Mensagem por Narrador em Qua Set 21, 2016 3:58 am

Bóris detestava estes jogos de intriga e ficou claro como uma serpente que lambia a pele de sua presa antes de enjetar seu veneno na carne do mesmo que Hecate manipulava bem suas palavras e tentava se prevalecer da lei do domínio, de modo que Bóris responde secamente.

_Senhorita Hecate, não tenho afeição a você e nem a ninguém e gostaria que entendesse que eu existo e sou um mal necessário, não faço isso por que tenho um dever quase sagrado, mas por que gosto. Também peço que não tente me bajular para amenizar suas palavras futuras, tentando fazer me passar por um estúpido.

_Estou neste jogo a muito mais tempo que imagina para entender o momento de arrancar o braço de alguém para conseguir respeito no feudo.

Bóris sorrir de canto de boca, tornando a ficar sério após isso como um psicopata que muda de humor repentinamente.

_Mas isso não é necessário, não é mesmo?

O Vampiro se levanta e Jessie faz o mesmo, ponderando se deveria atender o pedido de Hecate ou não; para seu próprio bem.

_Poderia citar-lhe que tudo pertence ao príncipe, pois esta no seu domínio, e não preciso lembrar para quem trabalho e meu modo operantis. Sou um algoz muito diferente de Willliam e confesso que não tenho tanta paciência para joguetes como ele!

Jessie estava impaciente naquele instante, mas após Bóris acender a fogueira e ele mesmo apagar, Jessie viu a oportunidade de atender sua senhora e fazer o que lhe pediu.

_Vou começar de novo e esquecer isso que me disse sobre me dever uma resposta ou não. -O Nosferatu levanta o dedo indicador como se recordasse de algo- Desta vez!

...

_Stevens esta desaparecido e toda esta história de ver o sumiço de Harper, talvez tenha aguçado sua imaginação a tentar solucionar tudo isso sozinho.

_Acredito que o garoto conseguiu seu objetivo fazendo uma aliança com uma pessoa não muito quista no clã. Então senhorita Hecate, peço que colabore por gentileza.

Ter aquele desgraçado desaparecido poderia trazer problemas a Hecate. Stevens lhe visitou e propôs coisas e a esta altura, ter o Algoz no jogo, tornava tudo péssimo.

Bóris por fim cruza a perna e leva a mão ao queixo. Ele parecia estudar Hecate.
avatar
Narrador
Admin

Mensagens : 1114
Data de inscrição : 17/11/2015

Ver perfil do usuário http://austinnoturno.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Hecate - Boris

Mensagem por Hecate em Sab Set 24, 2016 2:43 am

Hecate não sabia ao certo se a leitura que faria daquele episódio esquisito seria certa ou não, mas, começava a julgar o Algoz confuso e excessivamente austero. Mesmo com todo o cuidado e um verbo macio, a vampira não havia conseguido evitar uma resposta mais ríspida.

Elucubrou uma réplica contundente mas pouco profícua, já que provavelmente só serviria para acirrar os ânimos. Os segundos iam se passando enquanto a bela avaliava a melhor ação. Ao fim do raciocínio, concluiu que o melhor seria encerrar aquela conversa o mais rapidamente possível, deixando claro seu desconforto na presença com a aberração: "Quanta petulância. Ele vem aqui, diz para eu abandonar meu jeito receptivo de agradar as "pessoas", mas eu tenho que engolir essa grosseria. Aberração escrota!"

Deixou seus pensamentos longe de transbordarem nas feições, respondendo com um semblante bastante sério: - Montamos uma aliança que como toda aliança, visava o benefício mútuo. Da minha parte, eu esperava obter algum benefício dos dons dele, quando surgisse uma oportunidade, que não surgiu. Portanto, não tenho nada a ver com isso.

Hecate virou-se enquanto sorvia os últimos goles de vitae, pronta para deixar a taça numa mesinha. Quando o fez, virou-se novamente para Bóris, finalizando: - Mais algo?
avatar
Hecate

Mensagens : 91
Data de inscrição : 11/12/2015

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Refúgio de Hecate

Mensagem por Narrador em Sab Set 24, 2016 5:15 am

Boris se manteve sério durante todo instante, tamborilando lentamente em seu joelho. Quando Hecate termina de dar seu depoimento, Boris se levanta, enfiando a mão em seu bolso, retirando um papel dobrado dele.

_Vocês dois tiveram um dia especial juntos naquela boate. Acredito que ambos estão vivos hoje por causa de um trabalho em equipe interessante que tiveram juntos.

O vampiro do clã nosferatu caminha em direção a porta deixando antes de sair o papel dobrado em cima de um dos móveis.

_Não sei como isso é possível, mas acho que ele gostava de você... 

_TSC

_Stevens é mesmo uma criança estúpida. Esta aqui caso queira investigar!
avatar
Narrador
Admin

Mensagens : 1114
Data de inscrição : 17/11/2015

Ver perfil do usuário http://austinnoturno.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Hecate- Boris

Mensagem por Hecate em Qui Set 29, 2016 3:44 am

O som único do salto alto no chão lustroso, ecoando pela sala ampla antecede o momento em que Hecate se aproxima suficientemente para apanhar o papel.

Meneou a cabeça para Boris, deixando-o sem resposta clara, enquanto lia o que vinha escrito ali.
avatar
Hecate

Mensagens : 91
Data de inscrição : 11/12/2015

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Refúgio de Hecate

Mensagem por Narrador em Dom Out 02, 2016 1:54 am

A realidade que encontra é totalmente diferente. Havia nada mais que uma foto retirada do Google Maps.

Rapidamente supõe que se tratava de uma informação conseguida pela inteligência do clã Nosferatu.

Se tratava de uma espécie de gasômetro em obras; um cativeiro perfeito ou mesmo um esconderijo para poucos membros da seita rival. Sendo como fosse estava claro que Boris queira envolver você nessa trama.
avatar
Narrador
Admin

Mensagens : 1114
Data de inscrição : 17/11/2015

Ver perfil do usuário http://austinnoturno.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Refúgio de Hecate

Mensagem por Narrador em Dom Out 02, 2016 1:58 am


avatar
Narrador
Admin

Mensagens : 1114
Data de inscrição : 17/11/2015

Ver perfil do usuário http://austinnoturno.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Hecate - Narração

Mensagem por Hecate em Ter Out 11, 2016 11:55 pm

A loira se vira, deixando a taça vazia numa mesa a caminho dos andares superiores. Sabia que Jessie deveria se certificar que a visita se fosse, para longe, portanto subiu em silêncio.

Quando finalmente chegou ao quarto, fitou uma vez mais a imagem, refletindo sobre os riscos e as vantagens do que estava prestes a fazer: "Aquele rato de boeiro acha que pode me sensibilizar, só porque não faço parte do grupo psicopata a qual ele pertence..."

À medida que conjecturava, foi até o telefone do quarto, posto ao lado da cama e levou-o ao ouvido. Automaticamente a chamada foi direcionada aos empregados, quando instruiu: - Só Jessie pode entrar no meu quarto. Não quero ser incomodada por ninguém e se alguma visita chegar sem avisar, eu não estou!

Sem esperar resposta, Hecate desligou e sentou na cama. Ainda encararia aquela foto por alguns minutos antes de tomar alguma decisão...
avatar
Hecate

Mensagens : 91
Data de inscrição : 11/12/2015

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Refúgio de Hecate

Mensagem por Narrador em Qua Out 12, 2016 8:12 pm

Os empregados acatam as ordens de sua patroa e Hecate nota inclusive uma movimentação na segurança através das câmeras em seu quarto.  

Após cerca de vinte minutos Jessie entra no quarto fechando a porta e ficando após isso de costas a ela colada na mesma, como se fizesse resistência a alguém que queria entrar. Fazia isso com um certo humor.

_Não sei quem é o mais mala: Boris ou William...- dizia virando o olho em uma careta incomum- pelo menos esse aí não faz rodeios...

Desfaz então toda aquela pose e se aproxima de Hecate, sentando na ponta da cama e cruzando as pernas grossas e musculosas.

_Nestes últimos dias tomei precauções quanto a segurança, inclusive queria discutir alguns gastos que na atual situação ao qual nos encontramos se fazer necessário; mas antes,  confesso que estou curiosa. Então querida, o que esse cidadão  queria?
avatar
Narrador
Admin

Mensagens : 1114
Data de inscrição : 17/11/2015

Ver perfil do usuário http://austinnoturno.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Refúgio de Hecate

Mensagem por Hecate em Sex Out 14, 2016 1:14 am

- Veio me pedir ajuda para encontrar Stevens, que sumiu e está nesse lugar aí... Deixou o papel aberto, em cima da cama, próximo a si.

- E quando digo, "pedir" ajuda, imagine a pior forma possível. O morador em situação de esgoto não saberia ser humilde nem que o traseiro deformado dele estivesse em jogo. Disse, apertando os lábios e depois deitando-se na cama: - Vou lá dar uma olhada, afinal, Stevens foi roubado da minha gaiola. Talvez se eu ajuda-lo, ela possa me ajudar um dia...

Hecate ajeitou o travesseiro, preparando-se para relaxar, e então finaliza: - Por favor, amor... Estarei em suas mãos enquanto isso. Não saia do quarto...
avatar
Hecate

Mensagens : 91
Data de inscrição : 11/12/2015

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Refúgio de Hecate

Mensagem por Narrador em Sex Out 14, 2016 2:03 am

Jessie faz uma cara de asco conforme Hecate descrevia os fatos e em seguida faz menção em ponderar quanto ao desejo de sua senhora em dar uma de detetive e ir checar o local.

Mas ao perceber o que pretendia fazer, fica mais aliviada.

_Pode ir tranquila.

_Não sairei daqui para nada!
avatar
Narrador
Admin

Mensagens : 1114
Data de inscrição : 17/11/2015

Ver perfil do usuário http://austinnoturno.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Hecate - Narração

Mensagem por Hecate em Sab Out 15, 2016 9:15 pm

A cama relaxante envolveu-a de conforto, lembrando vagamente um abraço felpudo. Seus cabelos dourados espalharam-se, cobrindo toda a superfície de um travesseiro alvinitente.

Diferente da viagem astral de certos humanos, tocados pelo Alto, onde além de um grande esforço para controlar os próprios pensamentos precisar-se-ia  esperar o transcurso de longos minutos, ou horas para finalmente obter êxito na árdua tarefa de ver-se fora do corpo. Para Hecate, o esforço também existia, mas, uma vez dominadas as inquietudes da mente, transcendeu imediatamente o mundo físico.

Como em toda projeção, seu corpo astral viajaria quase instantaneamente para o local mentalizado enquanto ainda procurava desprender-se. Mas, os pouquíssimos segundos fora do próprio corpo e ainda no quarto, seriam usados inteiramente com Hecate admirando sua forma física, numa perspectiva diferenciada, já que suas imagens reproduzidas em ambientes de duas dimensões (fotos e espelhos) nunca transmitiam toda a sua beleza em seu real esplendor.

Uma vez que se encontrasse no local indicado pela foto, analisaria todas as circunstâncias antes de acessar o prédio, bem como cada pessoa, procurando sempre que possível descobrir suas auras e talvez (em caso de não humanos) ler suas mentes.
avatar
Hecate

Mensagens : 91
Data de inscrição : 11/12/2015

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Refúgio de Hecate

Mensagem por Narrador em Qui Out 20, 2016 4:27 pm

Hecate deixa seu corpo sendo ligada a este somente por um fino fio prateado. Tirando o fato de estar nua, sente que era ainda assim bastante palpável e sentia tudo ao redor de forma intensa.

Respira profundo como quem faz uma apneia e viaja a uma velocidade impressionante, tão rápido quanto um abrir e piscar de olhos.

[PRÓXIMO POST: mundo espiritual, umbra]
avatar
Narrador
Admin

Mensagens : 1114
Data de inscrição : 17/11/2015

Ver perfil do usuário http://austinnoturno.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Refúgio de Hecate

Mensagem por Narrador em Sex Abr 28, 2017 10:15 pm

Ao retornar a seu corpo, a vampira se sente esgotada, e não demora até que adormece.
avatar
Narrador
Admin

Mensagens : 1114
Data de inscrição : 17/11/2015

Ver perfil do usuário http://austinnoturno.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Refúgio de Hecate

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 3 de 3 Anterior  1, 2, 3

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum