Hospital Estadual - Austin, TX

Página 2 de 6 Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Re: Hospital Estadual - Austin, TX

Mensagem por Narrador em Qua Jun 15, 2016 2:03 pm

Narração - Mifune

2016-06-15 05:58:51 rolls 4 dice to dano 9,2,9,6 [3 successes] + 1 potência= 4 de dado letal.

Absorve: 4

O cão após sentir o gosto do sangue de Mifune, parece ter pedido por mais.

Próximo ataque:

2016-06-15 06:08:40 rolls 6 dice to Ataque 10,10,2,7,7, 10 [5 successes]

...

Barnes viu a cena e que Mifune estava um pouco atrapalhado. Notou também que Seraph acabou de dominar um dos cães.

O cachorro de Barnes já estava dormindo. Seu braço sangrava e ele apertava o mesmo enquanto iniciava o processo de regeneração pelo sangue.

Pensou em ajudar Mifune, mas imaginou também que ele ficaria bravo com isso, de modo que apenas aguarda.

...

Narração Seraph

O animal se debate bastante, até que finalmente foi controlado, ficando assim a sua mercê.

Seu corvo voa até o canino, bica traiçoeiramente um dos olhos do bichano o arrancando e engolindo o mesmo logo após isso.

2016-06-15 05:57:38 rolls 6 dice to 8,1,4,8,9, 9 [3 successes

avatar
Narrador
Admin

Mensagens : 1224
Data de inscrição : 17/11/2015

Ver perfil do usuário http://austinnoturno.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Hospital Estadual - Austin, TX

Mensagem por Narrador em Qua Jun 15, 2016 3:12 pm

Narração Miguel

Frida ouvia sobre os experimentos de Miguel. Era comum que crianças da noite fizessem experiências e se descobrissem, ela mesmo fez isso quando descobriu que era uma cainita.

Ouve em silêncio sem opinar, aquele era o momento do jovem e parece que ele estava feliz com isso, empolgado com sua condição de morro-vivo.

_Já Adianto que o medo vermelho ou medo do fogo é correto, mas ele só acontece quando nos ameaça. Você ascender um cigarro, segurar uma vela ou mesmo uma tocha, não terá o efeito. Só vinga quando somos ameaçados ou pegos de surpresa.

"Fique longe do sol, fique longe dos lupinos, uma estaca no peito te deixa imóvel até ser retirada, suas feridas mais graves também podem se fechar com o poder do sangue, respeite os anciões e agora; use o fogo com cuidado." -Eram pequenas lições que recebeu de Frida-

...

Chegando no lugar, nota que pare do terceiro posso estava coberto de sombras, onde tentáculos arremessavam leitos e equipamentos pela janela.

_La Sombras! -Completou Frida-

A vampira parece estar concentrada em sentir odores...

...

_Vamos por ali Miguel, dobre a esquina.

Após isso Frida aconselha a virar em um beco, onde um carro estava estacionado, ele tinha a placa do capitólio.

_Para aqui!

...

A cadeia salta pela janela e faria até uma tampa de bueiro aberta.

_Boa menina, vamos por aqui!

Frida então salta bueiro a dentro, Miracle olha para Miguel, talvez esteja se perguntando se deveria seguir também, quando então salta.

A altura não era muito grande, havia também uma escada caso quisesse usar.

...

A sessão subterrânea que se encontravam era de águas pluviais.

Apesar de ser águas pluviais o cheiro ainda é forte(caso queira constatar), mas não chegam a ter contato com a água. Havia um caminho como uma passarela de ferro não muito bem conservada.

O local também dispunha de uma iluminação parca sequencial de lâmpadas incandescentes a cada cinco metros, que vezes ou outras tinha uma lâmpada apagada.

Percebe-se também que passaram por duas câmeras, provavelmente pertencentes ao clã nosferatu.

...

Quando então chegam próximos a um portal de ferro grosso, com cadeados arrebentados no chão, além disso, sons de batalha são ouvidos.

Frida se esgueira e se aproxima com cautela após ouvir barulhos, com um gesto pede silêncio a Miguel.

Quando conseguem contato visual do lugar, notam que Seraph, Barnes e Mifune lutavam com cães tão grandes quanto a cadeia Miracle.

Barnes parece ter abatido um cão próximo dele, estava com o braço ferido em processo de regeneração.
avatar
Narrador
Admin

Mensagens : 1224
Data de inscrição : 17/11/2015

Ver perfil do usuário http://austinnoturno.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Hospital Estadual - Austin, TX

Mensagem por Seraph em Qua Jun 15, 2016 4:31 pm

*Concluo a ação mantendo o cachorro imobilizado e cravando os dentes em seu pescoço, com a intenção de fazer o animal "apagar" com o êxtase criado pela mordida.*

*ROLAGEM MORDIDA*
3 2 9 6 5 7 6 5 4 ( 4 sucessos)
avatar
Seraph

Mensagens : 323
Data de inscrição : 18/11/2015
Localização : Austin

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Hospital Estadual - Austin, TX

Mensagem por Miamoto Mifune em Qua Jun 15, 2016 9:52 pm

2016-06-15 13:41:43 Mifune rolls 3 dice to vigor 8,7,1 [1 success] = 2 sucessos

2016-06-15 13:38:08 Mifune rolls 10 dice to 8,9,5,3,1, 7,1,1,9,1 [failure]

2016-06-15 13:26:13 Mifune rolls 3 dice to vigo3 10,10,6 [3 successes]
avatar
Miamoto Mifune

Mensagens : 222
Data de inscrição : 26/11/2015

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Hospital Estadual - Austin, TX

Mensagem por Miamoto Mifune em Qua Jun 15, 2016 10:11 pm

agora vai
avatar
Miamoto Mifune

Mensagens : 222
Data de inscrição : 26/11/2015

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Hospital Estadual - Austin, TX

Mensagem por Narrador em Qua Jun 15, 2016 10:11 pm

O membro 'Miamoto Mifune' realizou a seguinte ação: Lançar dados


'd10' : 1, 7, 8, 9, 7, 6, 1, 7, 1, 9
avatar
Narrador
Admin

Mensagens : 1224
Data de inscrição : 17/11/2015

Ver perfil do usuário http://austinnoturno.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Hospital Estadual - Austin, TX

Mensagem por Miguel Rodrigues em Qui Jun 16, 2016 4:01 am

Antes de descer no bueiro, Miguel abre seu porta mala, e começa a se armar, ele pega uma calibre 12 manual, e pega os cartuchos incendiarios, confiando nas dicas de Frida, além de seus 2 revolveres de estimação, sempre no coldre em seu peito, pega ainda duas granadas de flash, e uma incendiária, para casos de emergência, juntando isso a faca em sua perna, ele estava pronto para o combate.

Ainda antes de adentrarem no buraco escuro, ele chama a cadela e lhe fornece um gole de seu vitae( 1 ponto) de modo a lhe dar mais force, e aumentar seus sentidos, ele carrega sua espingarda( Incendiaria) e pula atrás de Frida.

Ao chegarem no portal, ele vê a cena acontecer, visto o que Frida tinha lhe explicado sobre o clã Bruja, principalmente sobre Mifune, ele resolveu não interferir na cena, mas instruiu a cadela a ficar de olho, caso alguém queira pega-los desprevenidos, ele olha para Frida, e aguarda instruções, não queria fazer burrada logo na sua primeira aparição.
avatar
Miguel Rodrigues

Mensagens : 49
Data de inscrição : 23/02/2016

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Hospital Estadual - Austin, TX

Mensagem por Narrador em Sex Jun 17, 2016 2:54 am

Narração Mifune

Dano: 016-06-16 18:37:09 rolls 8 dice to dano 10,6,1,7,6, 3,9,8 [5 successes]

RESOLUÇÃO: 5 de dano em rolagem +1 potência= 6 dano

Mifune absorveu 3 e parou 2 na fortitude= dano recebido "1".

STATUS: 1 de dano letal

A segunda mordida não lhe feriu, graças a sua fortitude e sucessos na absorção. Por questão de conferência segue a rolagem do dano que falhou abaixo:

2016-06-16 18:44:36 dano rolls 4 dice to dano 2,7,9,8 [3 successes]

Subitamente o cão para de tentar atacar e segue a uma dada direção, direção da porta arrebentada.

...

Narração Seraph

Seraph percebe que o animal que sugava se entrega ao êxtase e poderia ser sugado até a última gota se assim desejasse.

No momento que sorvia o sangue, por estar com sentidos aguçados, nota um assovio baixo, inaudível ao ouvido humano comum.

O som vinha do lado de fora e logo percebe que o cão estava dócil e cheirava alguém. Era Frida.

...

Narração Todos

Barnes instintivamente aponta sua doze em direção a porta e uma segunda cadela, da raça pastor alemão rosna na direção dele.

_Quem esta aí?

Miguel nota que um homem muito grande aponta a arma na direção de vocês.

Frida em resposta a isso rosna na direção dele e diz:

_Abaixa esta porra Barnes, ou eu juro vou enviar ela no seu cu e atirar.

A voz é reconhecida por todos, ninguém em todo feudo era tão ignorante como aquela Gangrel.
avatar
Narrador
Admin

Mensagens : 1224
Data de inscrição : 17/11/2015

Ver perfil do usuário http://austinnoturno.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Hospital Estadual - Austin, TX

Mensagem por Seraph em Sex Jun 17, 2016 3:34 am

*A intenção era somente desacordar o cachorro, por isso sugo somente um ponto de sangue. Quando vejo que Barnes percebe a mesma coisa que eu já apontando a arma, estava pronto para Ofuscar mas reconhecendo a voz da Gangrel desiste dessa ideia é toma a frente de Barnes, colocando a mão na arma e a baixando.*

-Você queria que ele mostrasse um sorriso estando na situação em que estamos? 

*Olho para ela e o rapaz ao seu lado tido armado, ja o tinha visto antes mas não era ninguém muito importante.*

-Fico satisfeito que estejam aqui para ajudar, vamos Barnes conhece o caminho melhor que qualquer um aqui.
avatar
Seraph

Mensagens : 323
Data de inscrição : 18/11/2015
Localização : Austin

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Hospital Estadual - Austin, TX

Mensagem por Miamoto Mifune em Sex Jun 17, 2016 3:53 am

(Assim que o cachorro ouve o comando de Frida e para de morder, Mifune se vira e agarra o animal o mordendo e puxando seu vitae enquanto se cura ao mesmo tempo. Após sentir-se satisfeito larga o corpo do animal como saco de batatas no chão e limpa a boca esfregando o punho na boca)

Temos uma guerra para travar, melhor continuarmos

(Mifune agia como se nada tivesse acontecido, ele nem tinha notado a chegada de Frida e Miguel, apenas olhava para Barnes, esperando que o mesmo continue guiando o caminho)
avatar
Miamoto Mifune

Mensagens : 222
Data de inscrição : 26/11/2015

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Hospital Estadual - Austin, TX

Mensagem por Miguel Rodrigues em Sex Jun 17, 2016 5:06 pm

Miguel aponta rapidamente a arma que o homem que lhes ameaçava, mas abaixa rapidamente com o sinal de Frida, e chama Miracle de volta, que para de rosnar para o homem, mas em nenhum momento sai de posição de guarda.

Ele acena com a cabeça para Mifune, e entra no espaço onde os outros 3 estão.
avatar
Miguel Rodrigues

Mensagens : 49
Data de inscrição : 23/02/2016

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Hospital Estadual - Austin, TX

Mensagem por Narrador em Sex Jun 17, 2016 5:35 pm

Acompanhando Frida estavam: Miguel, Laster e Pippin Lancaster, as crias de Frida; pelo que parece, todos os Gangréis da cidade estavam presentes.

Ao notar a ação desleal de Mifune, Frida desfere um olhar para o mesmo bastante letal.



Saindo finalmente das sombras e sendo seguida pelos demais gangréis, Frida de revela.

_Então vocês gostam de destruir animais aliados?

Frida confere um a um antes de ir, alimentando com seu próprio sangue os que estavam em estado mais crítico.

...

Os animais acordam e parecem estar sobre o encanto de Frida, os três começam a lamber suas mãos e lhe cheirar.

_Tá tudo certo amigos, mamãe chegou!

Conforme caminha, incia agora uma metamorfose em si, assumindo a forma de um lobo canadense.



Sua cria também assume uma forma de névoa, quanto a Laster, apenas cria garras.

_Podemos agora Mamusca?

Frida se volta para ele e rosna baixo, odiava estes tipos de apelidos que Laster lhe dava.

...

Deste modo o grupo entra em um corredor estreito e mal iluminado, em seguida sobe uma escada.

_Pronto, se estou certo, tem um trinco por aqui!

Barnes destrava um alçapão, tentava fazer o mínimo de ruído possível.

_Achei! - Diz em sussurros- Estamos dentro...

O grupo sai de dentro de um armário, em um fundo falso de madeira bastante estreito. Estreito suficiente para Barnes passar com dificuldade devido seu tamanho e robustez.



Parece que estavam em um dos consultórios, pelo material existente, era odontológico.

...

Barnes de posiciona ao lado da porta, dando cobertura para os demais saírem.

Sons de destruição são ouvidos por toda parte. Não sabiam ao certo quantos malditos sabás estão lá dentro.
avatar
Narrador
Admin

Mensagens : 1224
Data de inscrição : 17/11/2015

Ver perfil do usuário http://austinnoturno.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Hospital Estadual - Austin, TX

Mensagem por Miamoto Mifune em Sex Jun 17, 2016 7:02 pm

(Mifune ouve Frida e sem se intimidar ele a olha, erguendo sua katana e a segurando no meio, a lamina estava dentro da bainha e era isso que o japones mostrava para ela)

Justamente por respeito aos animais que a lamina esta aqui dentro. Caso contrario eu ja havia fatiado ele ao meio no primeiro movimento

(Mifune então olha para os outros gangreis ali presentes)

Mas estamos em guerra, e toda gota de sangue deve ser preservada! Não irei para o combate com menos de 100% do meu poder!

(O sangue de Mifune estava ardendo pela batalha e seus punhos vibravam e ansiavam pelo calor da batalha, era evidente para todos ali que ele estava mais perto do frenesi naquele momento do que na ultima reunião com Willian o provocando. Era muito difícil para Mifune se conter diante sua verdadeira paixão. Era mais dificil ainda para ele nas retalhar qualquer ser que o ataca, ele estava em guerra dentro de si para não arrancar a cabeça de cada cão que o atacou, essa era a verdadeira natureza do samurai e ele não podia mais conter ela)

(Ja dentro do local Mifune sussurrava para o grupo)

Vcs tem algum plano? Caso não tiverem eu tenho um, sugiro que eu alguns de nós distraiam os malditos, enquanto Barnes e mais alguém tire o Doutor e suas cobaias. Acho que podemos utilizar o mesmo local que entramos. Porem Barnes parece conhecer melhor isso aqui e caso as coisas se compliquem, acho que ele pode achar uma rota de fuga alternativa. Estão de acordo?
avatar
Miamoto Mifune

Mensagens : 222
Data de inscrição : 26/11/2015

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Hospital Estadual - Austin, TX

Mensagem por Seraph em Sab Jun 18, 2016 6:52 pm

*Após entrar na sala, a olha de cima a baixo, mantendo sua prontidão. No momento que todos entram e Mifune se pronuncia, eu acho válido e concordo com a cabeça, olhando para os demais para ver suas reações.*

-Podemos iê de batedores Barnes, vendo onde estão ese possível fazendo do modo como Mifune diz.
avatar
Seraph

Mensagens : 323
Data de inscrição : 18/11/2015
Localização : Austin

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Hospital Estadual - Austin, TX

Mensagem por Narrador em Dom Jun 19, 2016 1:00 am

Enfim estavam todos no local, até mesmo os animais.

Quando Mifune cita seu plano, Laster concorda com a cabeça, mas ao ouvir Seraph, acena dizendo que não.

_Acho melhor Seraph ficar, meramente por motivos estratégicos. Você possui habilidades que iremos precisar.

_Deixe Barnes ir com Pippin, eles vão conseguir se virar bem, e Pippin do jeito que esta (Em forma de névoa) é quase inatingível.

Seraph em meio a conversa nota que três pessoas (Não consegue discernir se são membros ou não) acabaram de chegar no corredor, Frida que também possuía um sentido animal, mostra suas presas para o grupo sem emitir ruído algum, mostrando que estava acontecendo algo de errado por ali.

Os cães levantam as orelhas e os rabos em plena atenção, Miracle em especial avisa seu dono da presença de estranhos mordendo levemente as barras de sua calça.
avatar
Narrador
Admin

Mensagens : 1224
Data de inscrição : 17/11/2015

Ver perfil do usuário http://austinnoturno.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Hospital Estadual - Austin, TX

Mensagem por Miguel Rodrigues em Dom Jun 19, 2016 1:24 am

- Tem alguém aqui.

Miguel sussurra de modo que apenas os que estão na sala possam escutar. Ele faz sinal para que todos fechem os olhos, Frida já sabia o que Miguel faria, pois haviam treinado táticas de invasão algumas vezes, as quais o Cainita mais jovem utilizava nas caçadas, então ela acalmaria os animais do recinto através do poder do sangue, para que eles não latissem ou fizessem barulho.

Ele puxa de seu coldre, uma Flash Bang, as conhecidos granadas áudio visuais, deste modo poderiam pegar inimigos desprevenidos, e caso fossem aliados, teriam a chance de neutraliza-los sem machuca-los, ele anda até a porta sem fazer ruídos, puxa o acionador da granada, encosta ela no chão, e rola para fora, voltando para cobertura e preparando sua espingarda.
avatar
Miguel Rodrigues

Mensagens : 49
Data de inscrição : 23/02/2016

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Hospital Estadual - Austin, TX

Mensagem por Seraph em Dom Jun 19, 2016 3:28 pm

*Concordando com o falado, apenas faço um aceno de cabeça indicando que aceitava. Se vira instintivamente na direção dos sons dos três indivíduos, mostrando que pressentia a presença deles e quando o companheiro de Frida saca algo semelhante a uma granada (esperava que não fosse isso) , se ofusca e vai para um canto da sala para ter uma vantagem estratégica sobre os alvos que se aproximam.*
avatar
Seraph

Mensagens : 323
Data de inscrição : 18/11/2015
Localização : Austin

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Hospital Estadual - Austin, TX

Mensagem por Miamoto Mifune em Dom Jun 19, 2016 10:51 pm

Ok, ao meu sinal, Barners e Pippin seguem até o doutor. O restante vem comigo para o grupo de abatedores

(Mifune sussurrava para todos e estado de alerta, logo depois ele olha para Miguel e fitava a bomba em sua mão, balançando a cabeça para ele seguir enfrente e lançar o sinal)

Taca ela...

(Sussurrava baixinho para Miguel)
avatar
Miamoto Mifune

Mensagens : 222
Data de inscrição : 26/11/2015

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Hospital Estadual - Austin, TX

Mensagem por Narrador em Seg Jun 20, 2016 2:26 am

Encorajado por Mifune, Miguel atira a granada, logo é ouvido sons ocos de corpos se atirando no chão.

_Granada!

(Ao menos serviu aos mais atentos saberem mais ou menos onde se encontravam os homens)

Logo após isso uma explosão não tão estrondorosa, mas ainda assim uma explosão, ocorre.

_ESTOU CEGO!

_QUE PORRA É ESSA? -esbravejavam os homens-

Frida se agacha ao ver do que se tratava e os cães perdem um pouco do controle ficando agitados. Mas ao contrário de cães normais que enfiariam os rabos entre as pernas, os três, exceto Miracle(Esta recebeu treinamento até para não se apavorar quando em meio a bombas), latem muito de forma enervante.

...

Todos sem excessão tomam uma possuía diferente antes e após o estouro.

Após o artefato explodir e Mifune organizar o grupo, Laster tromba propositalmente em Miguel.

_Agora perdemos o elemento surpresa Cria!

Frida rosna para os dois, principalmente para Laster.

Laster era a cria rebelde de Frida, enquanto Pippin, a mais querida; quanto a Miguel, ela tinha um cuidado materno sem igual por ser o caçula das proles, mas nunca minou nenhum destes, criou todos para serem independentes e nisso não falhou. Era nítido.

Barnes segue para direção esquerda, seguido pela névoa que era Pippin.

...

Frida aproveita a fresta da porta para passar dobrando a direita. Todos os cães, exceto Miracle a seguem e em meio a rosnados, gritos de dor também são ouvidos.

_Vamos lá galera, vamos limpar esse cenário! -Dizia Laster encorajando o grupo-
avatar
Narrador
Admin

Mensagens : 1224
Data de inscrição : 17/11/2015

Ver perfil do usuário http://austinnoturno.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Hospital Estadual - Austin, TX

Mensagem por Miguel Rodrigues em Seg Jun 20, 2016 2:31 am

Miguel não encolhe o corpo quando Lester trombou nele, batendo de volta ao cainita.

-Não se preocupe, seu cheiro já tinha nos denunciado antes da granada- Fala ele de um modo debochado.

Ele joga a espingarda com a alça nas costas, e puxa a faca do seu coldre, corre atrás de Frida para lhe dar cobertura, com Miracle em seu encalço.
avatar
Miguel Rodrigues

Mensagens : 49
Data de inscrição : 23/02/2016

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Hospital Estadual - Austin, TX

Mensagem por Seraph em Seg Jun 20, 2016 3:36 am

*Observando tudo, começa a pensar se era uma boa ideia ter os Gangrel ali como apoio. Se fosse só Mifune e Barnes, teríamos mais chance de alcançar nosso objetivo sem chamar tanta atenção. De qualquer maneira era o que tinham , tinha que jogar com as cartas que possuía.*

*Após lançar a granada e os três alvos gritarem denunciando ainda mais suas posições, eu corro na direção deles já com as garras garras estendidas. Era melhor eliminar os alvos o mais rápido possível antes que chamem mais deles.*
avatar
Seraph

Mensagens : 323
Data de inscrição : 18/11/2015
Localização : Austin

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Hospital Estadual - Austin, TX

Mensagem por Miamoto Mifune em Seg Jun 20, 2016 4:52 pm

(Mifune via a cara de preocupação do grupo após a ação de Miguel. O samurai então toma a dianteira do grupo e fala para todos)

A estratégia é chamar atenção deles para nos, se os intrusos vierem até nos deixarão o caminho livre para Barners e Pipin agirem. Por isso ação de Miguel foi extamente Oque eu queria. Agora Laster vem comigo vamos abate-los, Miguel e Frida nos cubra Seraph assim que vc ver que o caminho está limpo tire Barners daqui e se junte a nos

(O samurai partia na frente esperando que o efeito do Flash bomb tivesse cegado a todos do lado de fora, enquanto saca sua katana para finalizar os homens)

OFF: Ativo rapidez
avatar
Miamoto Mifune

Mensagens : 222
Data de inscrição : 26/11/2015

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Hospital Estadual - Austin, TX

Mensagem por Narrador em Ter Jun 21, 2016 1:57 am

A ação do grupo foi rápida e os três membros são facilmente abatidos. Todavia algo enche de pesar aquele grupo.

Os três membros abatidos eram sim vampiros, mas vampiros recém transformados: Um era doutor e dois eram pacientes, provavelmente lunáticos.

O sabá tinha uma forma de agir e dentre as principais armas que tinham era o abraço em massa.

Os cães de Frida cercavam um quarto homem, confusos se deveriam atacar, para isso, uma ordem bastaria.

O membro estava acuado em um canto da sala, provavelmente não foi atingido pelo flash da bomba por já se encontrar em outro corredor.

A pobre criatura apontava um estilingue para todos, tendo uma bilha como munição, como se aquilo fosse uma arma terrível e eficaz.

_Não se aproximem seus monstros... Ou vou atirar! -Nitidamente o homem era louco, dado sua forma de falar e agir-

Naquele instante Frida se volta para o grupo, seu semblante duro pela primeira vez se encheu de tristeza.

Sem saber o que fazer volta para outro canto do corredor, sendo seguida por seus cães.

O destino daquele pobre infeliz estava nas mãos de vocês, talvez o filho de Malkav tenha o melhor julgamento para situação.
avatar
Narrador
Admin

Mensagens : 1224
Data de inscrição : 17/11/2015

Ver perfil do usuário http://austinnoturno.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Hospital Estadual - Austin, TX

Mensagem por Seraph em Ter Jun 21, 2016 2:22 am

*Quando a situação é controlada e o ultimo indivíduo é encurralado, eu me viro para Barnes e Pipin falando.*

-Vão, encontrando o doutor ou algo que não consigam transpor , nos avise, nao banquem heróis.

*Chegando perto do paciente do hospital, ignoro o estilete em sua mão e vôo em sua jugular, sugando o indivíduo até o final enquanto reponho o sangue gasto no  início e bombando meus atributos físicos até o máximo. O preço que Seraph pagava por ser Filho de Malkavian era ser aleijado emocionalmente, não sentia pena, amor, remorso, nem nada do tipo. Poderia fazer isso com QUALQUER UM, da mesma forma que faz com esse lunático. E para a camarila esse ser era uma violação as leis e não sobreviveria de qualquer maneira.*

*Acabando, como se não tivesse feito nada, olha para os demais e fala.*

-Vamos?
avatar
Seraph

Mensagens : 323
Data de inscrição : 18/11/2015
Localização : Austin

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Hospital Estadual - Austin, TX

Mensagem por Miamoto Mifune em Ter Jun 21, 2016 3:31 am

(Mifune torce o nariz ao ver todo o desenvolver da cena, ele ficava um tanto quanto sem reação)

*Monstros?!*

(Mifune refletia a fala do lunatico e depois olha para Seraph)

*Talvez nós fossemos mesmo monstros*

(Mifune tenta não pensar muito nisso, empatia nesse tipo de trabalho sempre levava para um caminho sem volta de remorso. O samurai seguia na frente em prontidão enquanto falava com o grupo)

Vamos nos concentrar em ficar juntos! Mas caso ocorra algo...

(Ele olha para tras encarando cada um)

Nao deixem que eles os peguem vivos, entenderam?
avatar
Miamoto Mifune

Mensagens : 222
Data de inscrição : 26/11/2015

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Hospital Estadual - Austin, TX

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 2 de 6 Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum