Bryant Park Hotel - Refúgio Luciano

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Bryant Park Hotel - Refúgio Luciano

Mensagem por Luciano Del Toro em Sab Nov 21, 2015 12:18 am

Descrição do Refúgio:



O Bryant Park Hotel é um hotel mundialmente famoso nos Estados Unidos.

Inaugurado em 1931 o hotel chegou a ser considerado o maior hotel do mundo, com 47 andares, 1500 quartos, 100 suites e o primeiro a incluir o serviço de quartos.

O refúgio fica localizado na Zona Central Financeira da Cidade, como se tratando de uma Zona Central, seria uma cobertura que ocupa o ultimo andar inteiro.

A cobertura conta em um total de 850m, com 2 suítes, 2 salas, cozinha e parte de dispensa e quartos de empregados, ao lado da suíte principal o que seria de Luciano existe um canto onde Luciano se retira, sem nenhuma luz. Na entrada da cobertura um grande Lobby, onde tem uma estatua esculpida em Bronze, e um quadro de Renoir na parede, na sala principal, o piso de mármore, e tapete de pele de animal, uma decoração impecável, mas tradicional, afinal ele descende de uma família nobre. Todas as janelas tinham pesadas cortinas que não permitem a passagem de raios solares, deixando uma atmosfera sóbria.

Em sua suíte, com uma cama bem ampla e um closed ao lado para as roupas e seus bens mais caros, o restante da cobertura era decorada com alguns quadros de sua coleção pessoal e muitas pinturas de sua pessoa, seu carro que ficava na garagem com um único acesso pelo elevador privativo, que somente com a chave de segurança dava acesso ao estacionamento e à cobertura de Luciano.
avatar
Luciano Del Toro

Mensagens : 26
Data de inscrição : 19/11/2015

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Bryant Park Hotel - Refúgio Luciano

Mensagem por Narrador em Seg Nov 23, 2015 1:18 pm

Luciano desperta para mais uma noite.
avatar
Narrador
Admin

Mensagens : 1230
Data de inscrição : 17/11/2015

Ver perfil do usuário http://austinnoturno.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Bryant Park Hotel - Refúgio Luciano

Mensagem por Luciano Del Toro em Seg Nov 23, 2015 7:35 pm

*Luciano em sua cama retira a venda de pura seda a qual tinha ganho de Queen Anne a muitos anos atras.
O Lasombra se senta na cama, olha para os lados a procurar de algo.
Finalmente seus olhos acham o que procuravam.

Sereena estava na janela, observando a noite e zelando por seu senhor.



Quando o mesmo se aproxima dela ja na vanranda, ela se vira e diz."

- Boa noite meu senhor. Sua reunião com o principe está confirmada hoje. Creio que podemos começar a nos arrumar.

"Luciano sorri e a beija na bochecha, era algo muito raro de se ver o Lasombra fazer, ele faz um positivo com a cabeça e a chama com os dedos para lhe seguir.
O Vampiro segue para seu banheiro, percebendo que tudo estava ja pronto para seu banho. A banheira ja estava cheia e fumegando, aguardando apenas seu mestre.
Luciano depois de colocar seu pijama de pura seda negra em cima da mesa impecavelmente dobrado, adentra na banheira e recosta na mesma.
Sereena, com suas mãos quentes e delicadas começam a limpar seu mestre com uma bucha vinda diretamente da Indonesia.
Uma música em uma aparalhegem de som antiga roda um disco com música clássica. Luciano tinha uma paixão por música clássica desde os seus tempos de vida, lhe ajudava a raciocinar e até em seus rituais."



"Depois de mais ou menos meia hora, o mesmo se enxuga com ajuda de Sereena, os olhos que nunca se fecham do Vampiro encaravam a fiel carniçal que a tantos anos lhe protegia e lhe servia fielmente. Ele mesmo em laços de sangue com a Carniçal, sabia que a admiração e o amor que ela tinha ia muito alem do que os sentimentos falsos que o laço trazia.
Ele acaricia o rosto dela e finalmente pela primeira vez na noite ele diz."

- Sereena, você é muito boa para mim, isso não irá ser esquecido por mim. Nunca esqueça disso.

"O Lasombra então caminhando até o armário, retira o seu terno novo a qual tinha acabado de chegar. Ele se vesta com ajuda de Sereena e depois estava finalmente pronto para ir embora.
Desligando a vitrola, o mesmo apaga as luzes fecha a janela e aciona o modo anti-invasão, uma grossa camada de ferro desce e sela completamente as janelas do local apenas a porta do elevador particular é a unica sem, na qual seria acionada depois que ambos estiverem saido.
Adentrando no elevador particular, Luciano retira sua chave e aciona o mesmo em direção ao subsolo."

Roupa:
avatar
Luciano Del Toro

Mensagens : 26
Data de inscrição : 19/11/2015

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Bryant Park Hotel - Refúgio Luciano

Mensagem por Narrador em Seg Nov 23, 2015 8:04 pm

Tudo estava preparado para aquela noite, era fato que Sereena era uma carniçal muito especial.

Cuidou de tudo. Desde os sapatos impecavelmente polidos e engraxados, até a fivela banhadas em ouro branco. Um pequeno detalhe e mimo que não passou desapercebido pelo vampiro.

Quando em seu veículo a carniçal espera o vampiro se acomodar e relaxar para só então entregar um convite.

Estava escrito: "Baile de máscaras" na capa do mesmo.

Era um convite bem adornado em tons de negro e cinza, com a escrita em vermelho sangue.

Estava selado em cera vermelha com um brasão da casa toreador. Era inegavelmente lindo.

_ "Imperial Majesty de Clive Christian", é o perfume mais caro do mundo meu senhor. - Sim, Luciano não tinha se atentado ao detalhe do cheiro-

_Eu tenho um deste e pelo que me parece Ada também rsrs.
avatar
Narrador
Admin

Mensagens : 1230
Data de inscrição : 17/11/2015

Ver perfil do usuário http://austinnoturno.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Bryant Park Hotel - Refúgio Luciano

Mensagem por Luciano Del Toro em Seg Nov 23, 2015 8:17 pm

*Luciano pega o convite e observa cada detalhe do mesmo.
Quando Sereena fala sobre o perfume, o mesmo leva lentamente perto de seu nariz e suavemente cheira o mesmo.
Sentindo o perfume, o mesmo se lembra que ja tinha sentido outra vez, provavelmente em Sereena.
Ele abre para ler o conteúdo do convite, depois que o fizer, devolveria para Sereena e diria."

- Por enquanto não mande nenhuma confirmação, não tenho tempo para ninharias enquanto não tiver minha reunião com Ethan.

*Sereena perceberia de leve um tom de preocupação por meio de seu senhor, afinal eles ja estavam juntos a anos, graças a ela que ele está aqui hoje.
Ele observa o lado de fora e diz.*

- Vamos para o Elisium

Carro:

Carro Interior:
avatar
Luciano Del Toro

Mensagens : 26
Data de inscrição : 19/11/2015

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Bryant Park Hotel - Refúgio Luciano

Mensagem por Narrador em Seg Nov 23, 2015 8:23 pm

Quando ouve a resposta do La Sombra sobre a confirmação da festa diz:

_Como Quiser Senhor, aguardarei sua decisão para com este assunto.

Quando Luciano confirma o destino a carniçal se dirige ao motorista. Era notável a mudança de voz de Sereena quando fala ao motorista.

Sua voz era linda de se ouvir, mas toma agora uma entonação imperativa, porém educada.

_Vamos para o Capitólio motorista!

Sereena então se volta e troca olhares com Luciano e nota a preocupação do mesmo. Prontamente diz segurando em suas mãos e trocando carícias, como uma esposa cuidadosa.

_Está tudo bem senhor? Algo lhe preocupa? -A voz de Sereena era doce e preocupada-

avatar
Narrador
Admin

Mensagens : 1230
Data de inscrição : 17/11/2015

Ver perfil do usuário http://austinnoturno.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Bryant Park Hotel - Refúgio Luciano

Mensagem por Luciano Del Toro em Seg Nov 23, 2015 8:41 pm

*Luciano aceita a caricia de Sereena e se mantem em silêncio por algum tempo e so depois que o carro iniciou o seu trajeto ele disse.*

- Politica minha querida, algo que tinha com Queen Anne e que não tenho com Ethan. Mas isso não é uma coisa ruim. Mas é que não gosto de apressar as coisas, você sabe muito bem disso. Gosto de ter tempo suficiente para tomar minhas decisões e no momento não estou tendo esse tempo, e isso está me deixando irritado.

*Inconscientemente o Vampiro aperta um pouco a mão da Carniçal, mas logo percebe e afrouxa a mão.*

- Perdão minha querida, não era minha intenção.

* Sereena sabia que a Besta habitava dentro de seu senhor, e que como ele era negra como o Abismo. Ela temia caso seu senhor se descontrola-se e a besta assumisse. Mas saberia que o mesmo faria de tudo para poupar de sua cólera.*

avatar
Luciano Del Toro

Mensagens : 26
Data de inscrição : 19/11/2015

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Bryant Park Hotel - Refúgio Luciano

Mensagem por Narrador em Seg Nov 23, 2015 9:13 pm

Sereena se cala e apenas ouve, sente o aperto que sua mão sofre e faz uma leve careta de dor, mas logo se torna serena após este aliviar.

Fica pensativa e levemente apreensiva quando ouve a explicação dada por Luciano.

_Entendo...

Durante todo caminho ela segue em silêncio, se submete apenas a responder seu senhor quando este lhe dirige a palavra. Não queria provocar sua ira nem tão pouco tirar sua concentração.

[Próximo Post Capitólio]
avatar
Narrador
Admin

Mensagens : 1230
Data de inscrição : 17/11/2015

Ver perfil do usuário http://austinnoturno.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Bryant Park Hotel - Refúgio Luciano

Mensagem por Narrador em Qua Jan 06, 2016 8:25 pm

Chegando finalmente em casa, Sereena diz ao mestre.

_Obrigado por esta noite maravilhosa. Posso preparar a cama do senhor ou tem alguma outra tarefa que requeira maior atenção?
avatar
Narrador
Admin

Mensagens : 1230
Data de inscrição : 17/11/2015

Ver perfil do usuário http://austinnoturno.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Bryant Park Hotel - Refúgio Luciano

Mensagem por Luciano Del Toro em Dom Jan 10, 2016 2:50 pm

*Finalmente chegando em casa, Luciano começa a retirar o terno lentamente. *

- Eu quero que se lembre disso Sereena, agora eu não tive essa oportunidade. Mas eu acredito na mudança. Então venha até aqui. Deixe me ver seu corpo

*Apenas de calça, sem camisa o Lasombra chamava pela primeira vez em anos Sereena para aproximar de sua cama. Sua voz era provocante e sedutora. Ele sabia que seria essa noite. Ou ela pereceria ou ela nasceria como outro ser para a noite eterna.*
avatar
Luciano Del Toro

Mensagens : 26
Data de inscrição : 19/11/2015

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Bryant Park Hotel - Refúgio Luciano

Mensagem por Narrador em Dom Jan 10, 2016 10:27 pm

Sereena se aproxima de seu senhor ainda desconfiada. Ele estava agindo muito estranho nestas últimas horas; excesso de generosidade, levando inclusive para um passeio romântico. Aquilo não fazia parte da personalidade de Luciano.

_Como desejar...

Sereena se despe, tal qual fora solicitada e se aproxima com um pouco de receio.

_O que está havendo senhor? Por que tudo isso?
avatar
Narrador
Admin

Mensagens : 1230
Data de inscrição : 17/11/2015

Ver perfil do usuário http://austinnoturno.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Bryant Park Hotel - Refúgio Luciano

Mensagem por Narrador em Dom Jan 10, 2016 10:27 pm

Sereena se aproxima de seu senhor ainda desconfiada. Ele estava agindo muito estranho nestas últimas horas; excesso de generosidade, levando inclusive para um passeio romântico. Aquilo não fazia parte da personalidade de Luciano.

_Como desejar...

Sereena se despe, tal qual fora solicitada e se aproxima com um pouco de receio.

_O que está havendo senhor? Por que tudo isso?
avatar
Narrador
Admin

Mensagens : 1230
Data de inscrição : 17/11/2015

Ver perfil do usuário http://austinnoturno.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Bryant Park Hotel - Refúgio Luciano

Mensagem por Luciano Del Toro em Seg Jan 11, 2016 12:42 am



*Luciano observava com atenção aquele corpo perfeito. Ele estende o braço mas depois o recolhe como uma criança que não deve tocar o proibido.
Mas logo depois ele estende timidamente novamente o braço e suas mãos frias tocam a pele morna de Sereena.
O Lasombra fecha os olhos, aquele calor, aquela pulsação no corpo vivo era algo único, algo divino.
O Vampiro se aproxima da borda e ainda sentado, agora estava na altura dos seios de Sereena, ele então a abraça e coloca sua cabeça no ventre da mulher.
Fecha os olhos e pergunta.*

-O que é a eternidade para você Sereena?

*A voz era doce e confortável. A pele do seu senhor era gelada ao encontro da dela que estava morna.*
avatar
Luciano Del Toro

Mensagens : 26
Data de inscrição : 19/11/2015

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Bryant Park Hotel - Refúgio Luciano

Mensagem por Narrador em Seg Jan 11, 2016 3:12 pm

Sereena estava nitidamente nervosa, mesmo diante da pessoa que ela mais confiava naquele mundo de trevas.

Já suspeitava do que estava por vim, dado as perguntas subjetivas feitas por Luciano Del Toro. Assim como qualquer outro carniçal, se tornar um membro sempre foi o maior desejo da mulher de traços finos e comportamento austero (Exceto com Luciano), todavia, quando o dia finalmente parece ter chegado, aquele frio na barriga e os pensamentos desesperadores de perder sua vida de fato, confundiram a mente da moça.

Todavia, ela se mantém firme em suas convicções e respirando profundamente se enche de coragem para responder aquela pergunta.

_Eternidade é ter a ciência de que você não é indestrutível e se nenhuma das intempéries da vida, não atravessar seu caminho, "você viverá para sempre! "

Se cala então para saber se aquela resposta agradara seu senhor!
avatar
Narrador
Admin

Mensagens : 1230
Data de inscrição : 17/11/2015

Ver perfil do usuário http://austinnoturno.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Bryant Park Hotel - Refúgio Luciano

Mensagem por Luciano Del Toro em Seg Jan 11, 2016 9:40 pm

*Luciano afasta sua cabeça do ventre da sua carniçal com um sorriso.
Estava satisfeito.
Ele sabia que ela tinha os pés no chão.
No mesmo momento que ela acabou de responder, o semblante do senhor voltou a ser frio e duro.*

- Quer se sentir humana a ultima vez antes de adentrar comigo na escuridão?

*Ela devia se sentir honrada, jamais ele faria isso com ninguem. Mas esse era o preço da mudança. Mas ela ainda teria que ser forte no teste de abraço do Lasombra, ela sentiria a vida ir embora e teria sofrimento para enfrentar.
Luciano estava preparado para o que veria a seguir.*
avatar
Luciano Del Toro

Mensagens : 26
Data de inscrição : 19/11/2015

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Bryant Park Hotel - Refúgio Luciano

Mensagem por Narrador em Ter Jan 12, 2016 8:48 pm



Sereena se volta para trás, mudando suas expressões para uma de espanto. Finalmente ela percebeu do que se tratava aquilo e todo aquele mimo não era por menos. Ou ela era tão boa na arte de interpretar que enganou até mesmo a Luciano.

_Quero viver este ultimo momento como mortal, sendo possuída e amada!

Após isso fecha os olhos e espera a reação de seu senhor.
avatar
Narrador
Admin

Mensagens : 1230
Data de inscrição : 17/11/2015

Ver perfil do usuário http://austinnoturno.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Bryant Park Hotel - Refúgio Luciano

Mensagem por Narrador em Dom Jan 24, 2016 5:23 pm

Confirme se distraía com a beleza afável de sua carniçal, ouve um rosnado baixo e uma garra poderosa separar seu corpo de sua cabeça.

Os gritos de Sereena foi a última coisa que conseguiu ouvir antes de cerrar os olhos e virar pó.

[Game over]

OFF: Morte por não cumprir os requisitos mínimos exigidos pela narração de duas pastagens mínimas.

Vide: regras do jogo
avatar
Narrador
Admin

Mensagens : 1230
Data de inscrição : 17/11/2015

Ver perfil do usuário http://austinnoturno.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Bryant Park Hotel - Refúgio Luciano

Mensagem por Narrador em Dom Jan 24, 2016 5:23 pm

Conforme se distraía com a beleza afável de sua carniçal, ouve um rosnado baixo e uma garra poderosa separar seu corpo de sua cabeça.

Os gritos de histéricos de Sereena foram a última coisa que conseguiu ouvir antes de cerrar os olhos e virar pó.

[Game over]

OFF: Morte por não cumprir os requisitos exigidos pela narração de duas postagens mínimas semanais sem justificativa previa.

Vide: regras do jogo
avatar
Narrador
Admin

Mensagens : 1230
Data de inscrição : 17/11/2015

Ver perfil do usuário http://austinnoturno.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Bryant Park Hotel - Refúgio Luciano

Mensagem por Anne Marie Laveau em Dom Mar 06, 2016 1:32 am

Obah chega ao hotel estacionando já com certa segurança, olhava atenta para todos os lados realmente estava cada vez mais apreensiva mas nada que deixasse transparecer. Sua silhueta era a de uma bela negra, desce elegante do veículo, cintura fina, seios firmes e macios e assim como suas ancas largas que realizavam um movimento hipnotizante como o de seus olhos, procura o manobrista para entregar as chaves.

Após isso se volta para o Carniçal de Ernest dando as respostas que ele esperava ouvir:

- Bem, é provável que durma aqui, estou aguardando meu funcionário. Mas avise ao nosso pai que em breve ele terá notícias de meu novo lar que ainda será definido nas próximas noites. Mais uma vez, obrigada cavalheiro.

Seu tom era de despedida, tinha tanto a resolver e esperava realmente não ter a insistência de Ken lhe atrapalhando nos próximos minutos.
avatar
Anne Marie Laveau

Mensagens : 147
Data de inscrição : 24/11/2015
Localização : New Orleans

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Bryant Park Hotel - Refúgio Luciano

Mensagem por Narrador em Dom Mar 06, 2016 1:43 am

O vassalo assente com a cabeça em afirmação.

_Está certo!

Ele fica parado esperando o manobrista desempenhar seu papel com um sorriso no rosto e lhe entrega uma gorjeta.

Por outro lado Obah caminha como uma bela serpente em direção a recepção, mas após olhar por cima dos ombros ainda pôde notar a presença do carniçal lhe acompanhando com o olhar.
Os olhares se encontram e o jovem sorrir faceiro.

Após perceber que Obah estava realmente segura, faz sinal para um táxi e entra no mesmo, seguindo na direção do sentido da pista, desaparecendo de vez da vista da serpente.
avatar
Narrador
Admin

Mensagens : 1230
Data de inscrição : 17/11/2015

Ver perfil do usuário http://austinnoturno.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Bryant Park Hotel - Refúgio Luciano

Mensagem por Anne Marie Laveau em Dom Mar 06, 2016 1:52 am

Segue tranquila saguão adentro, sua última troca de olhares com aquele ser é quase um alívio, assim que o mesmo desaparece dentro do veículo a serpente retira o celular da bolsa e lê o conteúdo da mensagem.

avatar
Anne Marie Laveau

Mensagens : 147
Data de inscrição : 24/11/2015
Localização : New Orleans

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Bryant Park Hotel - Refúgio Luciano

Mensagem por Narrador em Dom Mar 06, 2016 2:30 am

###Mensagem ###

Desculpe senhora, não consegui uma casa no modelo que desejava, mas de amanhã eu lhe asseguro que não passará.

Estou a cerca de dez minutos do local, se me aguardar chegar podemos subir juntos, mas caso esteja muito cansada, entenderei perfeitamente.
avatar
Narrador
Admin

Mensagens : 1230
Data de inscrição : 17/11/2015

Ver perfil do usuário http://austinnoturno.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Bryant Park Hotel - Refúgio Luciano

Mensagem por Anne Marie Laveau em Dom Mar 06, 2016 2:35 pm

Obah não gosta do que lê mas de fato , mesmo para alguém tão esperto quanto Brown seria difícil conseguir algo no seu padrão em tão poucas horas. Fica em dúvida se foi a melhor decisão sair debaixo das Asas de Ernest ou até mesmo Ethan naquele momento, mas não adianta chorar o leite derramado.

Passaria o dia ali .

Responde a mensagem

#Aguardo você!

Só lhe resta aguardar , passeia pelo local analisando sua estrutura e nível de segurança. Acompanha o movimento das pessoas que circulam.

Seguiria seus planos dentro do novo planejamento , sua agência traria justamente o grupo de mortais que deseja atingir.
avatar
Anne Marie Laveau

Mensagens : 147
Data de inscrição : 24/11/2015
Localização : New Orleans

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Bryant Park Hotel - Refúgio Luciano

Mensagem por Narrador em Seg Mar 07, 2016 2:44 am

*Ernest enviou uma mensagem para sua cria e nela, estava uma questão muito desagradável*

***Mensagem***

"De tantos lugares existentes no planeta, esta foi a pior opção que você poderia escolher.

Ontem o primogênito La Sombra foi assassinado na suite presidência e sua cria jogada ao solo da cobertura.

Vá embora daí o mais rápido possível.

***Fim da mensagem***

O carro de Robert estaciona e ele estava com uma cara não muito boa, parecia preocupado.

Ele salta do carro sem deixar as chaves com o guardador. Que vem atrás dele como uma flecha.

_Senhor, senhor... O senhor precisa deixar as chaves!

Robert por sua vez, chama Obah no canto e diz ao homem:

_Preciso somente de trinta segundos, eu e minha esposa estamos mudando nossos planos.

O guardador não gosta muito da resposta mas faz um sinal de que estava tudo bem.

_Minha senhora, temos que sair logo daqui, não tenho muito tempo para explicação! -dizia em um sussurro próximo ao ouvido da moça-
avatar
Narrador
Admin

Mensagens : 1230
Data de inscrição : 17/11/2015

Ver perfil do usuário http://austinnoturno.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Bryant Park Hotel - Refúgio Luciano

Mensagem por Anne Marie Laveau em Seg Mar 07, 2016 2:59 am

Obah arregala os olhos lendo a mensagem de Ernest que sem dúvida já recebeu um relatório de seu lacaio a respeito do local onde ela havia ficado. E pensa com seus botões setianos:

"Ah claro, eu tenho vidência, premonição ou sou uma harpia extremamente habilidosa quanto à tudo que acontece na cidade. Como adivinhar ?"

Em seguida percebe a presença de Robert lhe chamando a atenção, vai ao encontro dele com passos apressados e sem muitas delongas responde:

- Ok querido, seguirei você!

Encara o guardador e pede as chaves do seu veículo.

Não havia tempo para pitís e indagações, seguiria ambas as orientações, sairia do lugar imediatamente.
avatar
Anne Marie Laveau

Mensagens : 147
Data de inscrição : 24/11/2015
Localização : New Orleans

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Bryant Park Hotel - Refúgio Luciano

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum