Ruas centrais

Página 7 de 11 Anterior  1, 2, 3 ... 6, 7, 8, 9, 10, 11  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Re: Ruas centrais

Mensagem por Anne Marie Laveau em Seg Maio 02, 2016 1:31 pm

Após o transe Ernest ouve apenas uma frase vindo da cainita enquanto lhe apresenta sua máscara, frase esta que sai de maneira diferente dos lábios de Obah , pois ecoa como o chacoalhar de uma serpente.

- De todosssssssss ossssssssss pecadosssssssss essssssstou diante do meu favorito.

Retribui as carícias da ruiva sentindo o sabor de seu vitae por meio de um beijo, tenta identificar cada substância que se encontra sob suas veias. Caso tenham apenas as drogas normais, contem-se apenas com a primeira mulher, pois tinha assuntos mais importantes a tratar com o toreador.

- Sua encomenda está aqui, devo apenas envergonhá-la ou algo que deixe marcas mais profundas?

Alisa o objeto dentro da bolsa.

avatar
Anne Marie Laveau

Mensagens : 147
Data de inscrição : 24/11/2015
Localização : New Orleans

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ruas centrais

Mensagem por Seraph em Seg Maio 02, 2016 11:53 pm

*Apesar de não ser seu ponto forte, era fascinante para Seraph toda essa tecnologia, tendo em vista que quando ele era humano, o motor a vapor era o auge da tecnologia alcançada pelo homem. Sem contar a espantosa perícia do "homem" com aquele aparelho, mas agradece por estar com eles e ter conseguido chegar tão rápido. Quando paramos no local, agradeço a todos.*

-Obrigado gente, a noite foi maravilhosa ao lado de vocês. Espero que não deixemos de ter contato.

*Se voltando para Briene.*

-Pequena, você tem meu contato. Aguardarei notícias suas  sobre nossa conversa.

*Desço do carro.*

-Obrigado mais uma vez!!!

*É sigo para o interior do local do baile.*

-----------------------------------------------

[OFF: Se possível gostaria de fazer um teste de ocultismo por tudo que presenciei com esse Softer]
avatar
Seraph

Mensagens : 325
Data de inscrição : 18/11/2015
Localização : Austin

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Narração Obah

Mensagem por Narrador em Ter Maio 03, 2016 12:25 am

Não foi fácil deixar de lado todo aquele prazer desmedido, Obah se entrega aquela situação de volúpia e quando consegue se desvencilhar dela, as moças estavam sonolentas e já tinham atingido orgasmos simultâneos.

O vampiro retira a máscara no fim do espetáculo e aplaude as modelos desnudas.

_Vistam-se meninas, eu disse que o show iria durar por pouco tempo. Todavia, peguem um táxi para minha casa e sirvam-se do que precisarem até eu chegar...

As moças colocavam suas roupas conforme solicitado e separam algumas trouxinhas para viagem.

Ernest da de ombros a isso e volta-se para sua convidada.

_Sente-se minha filha...

_Me conte um pouco mais sobre seu trabalho!


Última edição por Narrador em Ter Maio 03, 2016 12:29 am, editado 1 vez(es)
avatar
Narrador
Admin

Mensagens : 1230
Data de inscrição : 17/11/2015

Ver perfil do usuário http://austinnoturno.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Narração - Seraph

Mensagem por Narrador em Ter Maio 03, 2016 12:28 am

Off: Seraph pode testar inteligência+ocultismo dficuldade 8 e também pode testar a disciplina "olhos do caos" se assim desejar.
avatar
Narrador
Admin

Mensagens : 1230
Data de inscrição : 17/11/2015

Ver perfil do usuário http://austinnoturno.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ruas centrais

Mensagem por Seraph em Ter Maio 03, 2016 7:30 pm

[Rolagens]
Inteligência + Ocultismo(5 dados)... 9 4 5 4 4

Olhos do caos (6 dados)...7 10 6 2 7 10
avatar
Seraph

Mensagens : 325
Data de inscrição : 18/11/2015
Localização : Austin

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ruas centrais

Mensagem por Narrador em Qua Maio 04, 2016 12:34 pm

Narração - Seraph

De acordo com seu conhecimento oculto, Seraph não tem toda convicção, mas suspeita que aquele homem seja um mago, todavia por não ser um especialista, não tem toda convicção necessária para afirmar.

Seraph ficaria na incerteza se não fosse pela dádivas de Malkav, que nunca lhe abandonou.

Estaca ali mesmo, no lugar que estava, e começa a ter breves lampejos, que lhe ajudam a definir a questão:

-Primeiro se recorda de como falhou miseravelmente quando tentou desempenhar uma ação simples de leitura de aura; não esquecendo também do olhar fulminante de Softer de imediato.

-Após isso, pequenos detalhes como por exemplo sua concentração, a forma que desempenhou duas ou mais tarefas de uma única vez, como por exemplo: dirigir, ficar atento as ruas, utilizar o computador...

A sensação de incerteza se modifica para uma impressão favorável:

'Softer é um mago'
avatar
Narrador
Admin

Mensagens : 1230
Data de inscrição : 17/11/2015

Ver perfil do usuário http://austinnoturno.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ruas centrais

Mensagem por Seraph em Qua Maio 04, 2016 1:56 pm

*Depois das visões, faço uma anotação mental sobre esse homem, teria que ter cuidado com ele e verificar até aonde Briene sabe sobre essa origem de Softer. Na noite seguinte, eu farei contato com ela após concluir a missão com o gordo!.*

-Vamos lá fazer o que temos que fazer essa noite. Que isso acabe logo, tenho que colocar comida para meu corvo! E me alimentar também.

*Falo isso conversando sozinho enquanto sigo para o local do baile. Quem vê Seraph tem q impressão que ele é meio pancado da cabeça por falar sozinho e em voz alta.*
avatar
Seraph

Mensagens : 325
Data de inscrição : 18/11/2015
Localização : Austin

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ruas centrais

Mensagem por Narrador em Qui Maio 05, 2016 2:36 pm

Narração Seraph

Os homens da segurança observavam ao longe a cena um tanto que inusitada, todavia não interferem em nada.

Quando Seraph conclui sua organização mental, e decide se aproximar, os homens da segurança cumprimentam você. Parecem ter ciência de com quem esta falando.

[Proximo post The Elephant Room]
avatar
Narrador
Admin

Mensagens : 1230
Data de inscrição : 17/11/2015

Ver perfil do usuário http://austinnoturno.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ruas centrais

Mensagem por Anne Marie Laveau em Qua Maio 11, 2016 2:21 am

Obah aguarda que Ernest se despeça daquele que provavelmente é seu rebanho, sem dúvida bem cuidadas e saborosas. Não esperaria menos de um ancião que aprecia detalhes.

Se acomoda ao seu lado, retirando o pequeno objeto não da bolsa, mas de sua cinta liga.

Trata-se de uma pequena sacola feita em material artesanal de dentro dela retira uma pequena boneca de pano de aspecto bastante feio para um apreciador de arte como aquele toreador. Se tentasse ver seu conteúdo que parecia bem sólido, perceberia com o belo quadro que entregou nas mãos de Obah na noite anterior jazia em picadinho dentro daquele artefato.

A serpente o analisa curiosa, torcendo para que este tenha sangue nos culhões e não entrasse em frenesi a sua frente.
avatar
Anne Marie Laveau

Mensagens : 147
Data de inscrição : 24/11/2015
Localização : New Orleans

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Anabelle-Seraph/William

Mensagem por Anabelle em Qua Maio 18, 2016 2:56 pm

*Anabelle abre os olhos de forma surpresa ante o questionamento de Seraph. Sua vontade era soltar uma imprecação em voz baixa, mas contém seu ímpeto. Às vezes simplesmente odiava como deixava transparecer o que ia em seu íntimo com tanta facilidade.
Brinca novamente com o pingente  em seu pescoço e morde o lábio inferior,  desvia o olhar para a rua antes de encarar Seraph.*

-Obrigada por se preocupar caro primo. Realmente algo me incomoda, mas infelizmente neste momento nada pode ser feito.Estou ainda tentando encontrar uma maneira de evitar o inevitável, e quem sabe ludibriar aquele que rege nossos destinos.

*Ela alisa o cetim da máscara, e seu olhar se torna divertido ao observar o contraste da maneira despojada do malkaviano e a elegância de William. Ambos os modos a agradavam, Anabelle  dá-se conta que começa a sentir certa afinidade com ambos, e o desconforto inicial desaparecera completamente.
Uma vez mais um sorriso  sincero distende com graciosamente os lábios da malkaviana.*

-Mas agora me digam, como vêem esta corte? Mas, por favor sejam sinceros.

*Novamente ela dirige a pergunta para ambos, aguardando a resposta*.
avatar
Anabelle

Mensagens : 80
Data de inscrição : 05/03/2016

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ruas centrais

Mensagem por Seraph em Qua Maio 18, 2016 3:47 pm

*Olho para ambos antes de responder a pergunta, Willian sabe bem como eu penso sobre as coisas, mas não interfiro e nem atrapalho o trabalho de ninguém.*

-Nao são todos, mas se eu fosse ser 100% sincero sobre alguns, meu amigo aqui presente teria um trabalho a mais a fazer! Mas posso dizer que Ethan escolheu os melhores para seus cargos , são realmente excepcionais em suas áreas. Se não fosse esse percalço que estamos sofrendo no momento, você poderia desfrutar de uma das melhores cidades para a vida noturna de que ja ouviu falar.
avatar
Seraph

Mensagens : 325
Data de inscrição : 18/11/2015
Localização : Austin

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ruas centrais

Mensagem por William Reddington em Qua Maio 18, 2016 9:08 pm

William-Anabelle-Seraph

William ouvia a conversa entre Anabelle e Seraph em silêncio, seus olhos se focavam no percurso, fazendo ambos os Malkavianos ali notarem que o Ventrue estava pensativo.

...

Quando indagados por Anabelle sobre a corta da cidade, William se ateve a apenas esperar Seraph prosseguir com a conversa, dando seu parecer e então assim que o Malkaviano o faz, o Ventrue meneou a cabeça em concordância com as palavras da Cria de Ethan.

...

Quando indagado novamente por Anabelle, o Algoz voltou seu olhar para a jovem Malkaviana, sorriu e então disse em um tom calmo:

-Como o Sr. Seraph falou, Ethan soube escolher os membros que compõe os cargos de relevância na Seita.

-A vida noturna para os vampiros de Austin devido a isso costumava ser bem tranquila, como Seraph disse, se a Senhorita não estivesse chego em um momento conturbado, você teria um bom local para viver suas noites.

-A cidade tem bom gado, tem um desenvolvimento econômico baseado em sua grande maioria em empresas de Tecnologia e posso afirmar que a obsessão de Ethan por segurança, torna essa cidade também segura para se viver.

William então deixa escapar uma leve gargalhada, de algo que ele mesmo havia pensado, enquanto conclui:

-Além disso, Ethan tem a alcunha de justo não é mesmo? O que é melhor do que ter a proteção de um Príncipe Justo?

-Mas como eu já disse a ele algumas vezes, as vezes confundo sua justiça com benevolência em demasia, mas que obviamente tem funcionado para sua regência até então.

O Ventrue então ajeitava sua gravata e concluiu:

-Em resumo a cidade é excelente, porém, lhe darei um conselho.

-Tome muito cuidado em quem confia nessa cidade, muitos usam muitoo mais de uma máscara...

O Ventrue então sorri, apertando os olhos de forma simpática, o Algoz de fato era um homem bem estranho.
avatar
William Reddington

Mensagens : 227
Data de inscrição : 18/11/2015

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Anabelle-William/Seraph

Mensagem por Anabelle em Qua Maio 18, 2016 9:55 pm

*Anabelle escuta ambos interlocutores com genuíno interesse.  A expressão em seu rosto varia, acompanhando sua reação diante das palavras de cautela de  Seraph e William.
Talvez  tivesse que treinar seu traquejo social, e procurar ela também vestir algum tipo de máscara.
Logo essa ideia se desfaz, nunca em toda sua não vida precisara modificar sua maneira de comportar-se, e não seria agora que isso viria a acontecer.*

-Bom, podemos definir então que Austin é una corte única em muitos aspectos, mas, igual a tantas outras no quesito hipocrisia.  

*Ela brinca com o pingente e fita o horizonte, não devia expressar assim suas ideias tão abertamente.
Sem  pestanejar ela continua.*

-Ademais, estou aqui pelo chamado de Ethan, tão logo resolva esses assuntos, voltarei para o lugar de onde vim.

*A voz da malkaviana tornava-se séria talvez com algo que recordara.*

-Espero encontrar em Austin motivos para ter saudades e boas lembranças e não apenas desgosto e amargura.

*Dito isso ela sorri para os dois, olha para rua:*

-Vocês sabem o que Ethan pretende fazer como Vidal?


*Novamente em silêncio ela  aguarda resposta.*
avatar
Anabelle

Mensagens : 80
Data de inscrição : 05/03/2016

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ruas centrais

Mensagem por William Reddington em Qua Maio 18, 2016 10:15 pm

William-Anabelle-Seraph

William ouve as palavras de Anabelle com atenção, ao ouvir a conclusão da mesma, o Ventrue sorri satisfeito e diz:

-Isto mesmo Mi lady, você entendeu muito bem...

Os homens de William eram discretos, em momento algum pareciam interromper ou até mesmo fitar o que os três vampiros faziam no banco de trás, nem mesmo olharam pelo retrovisor em nenhum momento para fitarem os vampiros, ambos condutor e passageiro, mantinham o olhar fixo na rua e só de detinham a fazer outra coisa, caso fosse realmente necessário.

...

Quando Anabelle pergunta sobre Vidal, o Vampiro sorri mediante a pergunta, William era um homem que sorria bastante, podia concluir a Malkaviana, isso muitas vezes era algo confortável, porém, o jeito que o Ventrue fazia, devido a frequência, tornava-se o ato de sorrir algo bem pertubador vindo de um Algoz. Então o Vampiro respondeu calmamente:

-Infelizmente ainda não sei, porém, se Ethan for esperto o forçara sobre um contrato de sangue e o usará contra o Sabá.

-Ao menos seria o que eu faria, além de claro força-lo a um laço de sangue completo.

O Ventrue então suspirou, mesmo que de seus pulmões não funcionassem mais, aquilo ainda era um hábito e concluiu:

-Caso ele recusasse eu iria dar a ele a morte final ou o colocaria em torpor e lhe forçaria o laço.

-Afinal, a cidade não precisa de um problema como ele andando por ai sem uma coleira.

-Seja como for, estaremos lá para ver...

As palavras de William eram muito naturais, calmas e ele até mesmo parecia confortável em dizer aquele tipo de coisa, que para muitos vampiros que mantinham algum princípio humanitário, o considerariam algum tipo de monstro.
avatar
William Reddington

Mensagens : 227
Data de inscrição : 18/11/2015

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ruas centrais

Mensagem por Seraph em Qua Maio 18, 2016 10:43 pm

-Não poderia dar uma definição melhor, mas aonde nesse mundo que vivemos as coisas são diferentes?

*O clã erw sábio em suas loucuras, mesmo Serafh tendo dito que nunca saiu de Austim, ele parece ter conhecimento e sabedoria sobre outros assuntos, Anabele sendo uma filha de Malkavian sabe bem disso.*

*Quando Willian da sua abordagem sobre o assunto Videl, não poderia esperar outra ação dele, para ele o que atrapalha deve ser eliminado, é seu jeito de viver, e ele se banqueteia com isso. Descobri isso em sua alma na primeira vez que nos vimos, mas ele também não faz questão de esconder isso de ninguém.*

-Do mais, o conselho de meu amigo é válido.
avatar
Seraph

Mensagens : 325
Data de inscrição : 18/11/2015
Localização : Austin

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Anabelle-William/Seraph

Mensagem por Anabelle em Qui Maio 19, 2016 3:25 pm

*Anabelle fica séria ao escutar as palavras de William, sua pele inteira se arrepia visivelmente, não gostava de presenciar demonstrações de sadismo.
Aquele tipo de prazer era muito comum na sociedade cainita, porém, mesmo sendo uma vampira secular,  a malkaviana não conseguia acostumar-se de maneira alguma. Não compreendia a maneira que alguns optavam por  seguir com sua não-vida.
Mas sabia também que ela não era ninguém para julgar as atitudes de outrem. Ao fitar o sorriso de William percebe nele um “que” de sadismo. Todavia isso não era de se estranhar em um algoz.
Escuta com atenção também as palavras de seu primo, e percebe que ele assim como outros tantos aceitara, apesar de não concordarem, com o “modus operandi” da camarilla.
Pois apesar de achar a hierarquia arcaica e falha, ela ainda melhor que o anárquico Sabá.
Anabelle compartilhava desse pensamento, a Camarilla era melhor que o Sabá, mas isso  não significava que ela ia gostar de  tudo por eles  realizados.
Sem querer ela faz uma careta de nojo, ao pensar o que estava prestes a presenciar no Elísio.
Quando Seraph e William terminam de expressar suas opiniões,  Anabelle  tenta  sorrir, mas parece  um pouco cabisbaixa, concorda com o que ambos disseram com um simples aceno de cabeça.
Passa a olhar o  horizonte, permanecendo calada.
avatar
Anabelle

Mensagens : 80
Data de inscrição : 05/03/2016

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ruas centrais

Mensagem por Narrador em Sex Maio 20, 2016 5:25 pm

Narração - William -Seraph - Anabele

A comitiva estaciona, Vidal é um dos primeiros a descer do veículo, após isso Ethan o faz.

Ambos pareciam manter uma postura amistosa, mas William sabia bem como era ter um arconte na cidade, e tanto ele como Seraph sabiam o que Ethan pensava sobre a presença de membros desta hierarquia:

"Ter um arconte trabalhando em minha cidade é assinar um atestado de incompetência!

Se um arconte esta por perto, um Justicar já esta agindo. E para isso acontecer, só debaixo de meu cadáver..."

Todavia ambos não sabiam o pensamento quanto a presença de um ex-arconte, na realidade o que seria definido era uma incógnita para ambos.

...

O príncipe faz um sinal para Vidal, que aguarda pacientemente. Após isso se dirige ao veículo onde Seraph, William e Anabelle estavam.

_Boa noite mais uma vez senhores, minha conversa será um pouco longa, mas acredito que não apresentará perigo a mim ou as atividades desta cidade de modo que deixarei vocês livres para retomarem o curso de suas não-vida.

_Senhorita Anabele, sei que estou sendo descortês em lhe pedir isso, afinal é minha convidada. Todavia essa situação inesperada requer certo cuidado, de modo que não encontro outra opção a não ser pedir mais um favor a William.

_Todavia se ele não puder me ajudar, pedirei a Basílio que cuide de sua chegada sã e salva a sua residência.

Ethan faz uma expressão de que aguardava se ambos estavam de acordo com isso. Seraph por já estar em casa, não encontraria maiores problemas.
avatar
Narrador
Admin

Mensagens : 1230
Data de inscrição : 17/11/2015

Ver perfil do usuário http://austinnoturno.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ruas centrais

Mensagem por Seraph em Sab Maio 21, 2016 6:04 pm

*Logo assim que o carro para me dirijo aos dois:*

-Uma boa noite a todos.

*Me viro para Anabele e digo: *

-Se precisar de qualquer coisa é só entrar em contato, se precisar conversar mais a vontade, estarei à disposição.

*Me viro para o Ventrue e com um aceno de cabeça me despeço.*

-Sr.Willian...

*Vejo a indagação  de Ethan enquanto vou descendo do carro e me mantenho atrás dele apenas aguardando.*
avatar
Seraph

Mensagens : 325
Data de inscrição : 18/11/2015
Localização : Austin

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Anabelle-Ethan/Seraph/Willi

Mensagem por Anabelle em Sab Maio 21, 2016 6:49 pm

*Anabelle sente-se aliviada por não ter de presenciar cenas que a obrigariam a entrar em conflito com outrem,  e curiosa ao mesmo tempo, se Ethan pretendia  mandá-la para casa, por que  não o fizera  diretamente da festa?
Mas  não cabia a ela julgar as atitudes do príncipe.*

- Não se preocupe Ethan, se o Sr William  não puder acompanhar-me, posso liga para alguém vir buscar-me sei bem que todos tem muito a fazer.

*Vira-se então para Seraph e sorri candidamente*

-Digo o mesmo primo, e agradeço a oferta.

*Em silêncio ela aguarda apenas a manifestação de William.*
avatar
Anabelle

Mensagens : 80
Data de inscrição : 05/03/2016

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ruas centrais

Mensagem por William Reddington em Dom Maio 22, 2016 12:00 am

William-Todos

William meneia a cabeça diante das palavras de Ethan, entendia que o assunto teria certa demora e cuidado. Então apenas diz:

-Certo velho amigo, não me oponho a sua decisão.

O Vampiro então volta seu olhar para Anabelle e sorri dizendo:

-Não haverá problema algum, a levarei em segurança para casa, assim ela não precisará esperar uma condução para ir.

-Além do mais, será uma cortesia que farei a nova membra da corte e também será uma forma de compensa-la pelo Príncipe não poder acompanha-la.

Voltou então seu olhar para Seraph e meneou a cabeça em um breve cumprimento:

-Boa noite Senhor Seraph, qualquer coisa, estou as ordens.

William então esperou em silêncio, caso ninguém tivesse mais nada a falar e o Príncipe se despedisse de Anabelle, daria sinal para que os homens seguissem para o refúgio da Malkaviana.
avatar
William Reddington

Mensagens : 227
Data de inscrição : 18/11/2015

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ruas centrais

Mensagem por Narrador em Dom Maio 22, 2016 10:12 pm

Narração Seraph -William -Anabelle

Após o príncipe entrar na sala de reuniões com Vidal, ele cerra a porta, deixando Frida, Miguel e Mifune em um local de espera.

Seraph não vê outra maneira a não ser seguir para seus aposentos, se despedindo de Mifune, Frida e Miguel, que aguardavam para falar com o regente.


Off: Caso Seraph tenha algo a acrescentar por esta noite, pode descrever no Elísio.

...

William incumbido de fazer a segurança da bela convidada do príncipe, conduz a moça até seu refúgio.

O caminho segue tranquilo sem qualquer alteração do esperado.

Quando estaciona o veículo em frente ao refúgio da Malkaviana, nota que seu celular vibrava, era uma mensagem que dizia o seguinte.

"Senhor William, andei pensando em como reparar o traumático dia que teve, sei que algumas perdas são irreparáveis, mas gostaria de propor um pacto.

Estou lhe enviando ainda esta noite cerca de trinta homens treinados para compor sua equipe pessoal e um dossiê das ruas e áreas que podemos conquistar juntos.

Mil perdões mais uma vez pelo ocorrido, cuidei do corpo de seu amigo e posso lhe enviar para lhe dar um enterro digno.

PS: Estes homens estão limpos". -Ruivo-

Anabelle nota que no momento de se despedir, o algoz recebe uma mensagem, tem a opção de aguardar, ou não, para se despedir de forma adequada.

A vampira nota a loja ainda aberta, com alguns clientes inclusive em seu interior.

Off: Anabelle pode convidar William para entrar, caso queira, ambos devem postar no refúgio de Anabelle, caso não queira, deve dispensar William, que postará em seu refúgio.

avatar
Narrador
Admin

Mensagens : 1230
Data de inscrição : 17/11/2015

Ver perfil do usuário http://austinnoturno.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Anabelle-William

Mensagem por Anabelle em Seg Maio 23, 2016 2:52 pm

*Anabelle segue o caminho todo olhando o horizonte, muitas dúvidas iam em sua mente. Quando finalmente param em frente a casa de penhores ela vira-se para o algoz o intuito de despedir-se.
Estava cansada, e ao mesmo tempo agradecida por ter sido poupada de presenciar cenas asquerosas.
Tinha um leve palpite que William ao contrário dela, teria prazer em presenciar e  até mesmo participar delas.
Assim que o algoz olha a mensagem e volta a guardar o celular no bolso, Anabelle sorri para ele de maneira doce e gentil.*

-Peço-lhe desculpas por tirá-lo de seu caminho, e impedir que participasse da inquisição de Vidal.

*Ela pega a máscara e a pequena bolsa que levava consigo dando mostras de sua intenção de deixar o carro.*

-Posso compensá-lo de alguma maneira? Deseja entrar e beber algo?

*Ela mantém o sorriso gentil nos lábios ao finalizar o convite, totalmente desprovido de luxúria ou lascívia. Parecia uma genuína oferta de amizade*
avatar
Anabelle

Mensagens : 80
Data de inscrição : 05/03/2016

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ruas centrais

Mensagem por William Reddington em Qua Maio 25, 2016 2:04 am

William-Anabelle

Durante todo o trajeto o Ventrue se ateve apenas ao silêncio e assim como a Malkaviana, muitas vezes fitou o horizonte pensativo.

...

Assim que recebe a mensagem de Ruivo, William olhou de forma calma para a mesma e sorriu de canto de boca enquanto pensava:

"Muito bem Sr.Ruivo, porém, perto de minha perda isso ainda não é nada, mas servirá de consolo por hora..."

Então voltou seu olhar para Anabelle com um sorriso simpático no rosto, respondendo ao pedido de desculpas da Malkaviana:

-Não se preocupe Senhorita Anabelle, não haveria outro lugar para onde eu iria a não ser minha casa e ter sua companhia, mesmo que silenciosa durante todo esse trajeto fez minha noite muito melhor.

-Será um prazer sempre poder lhe trazer em segurança a seu refúgio.

Então quando a mesma se oferece uma compensação pelo gesto de leva-la em casa e lhe oferta uma bebida, o Algoz sorri amigavelmente assim como a Malkaviana e diz:

-Não há maneira de me compensar, como eu disse, não foi nada.

-Porém, gostaria muito de um bom whisky caso o tenha, ouvi muito sobre seu estabelecimento, então assim aproveito para conhece-lo formalmente, afinal parece que vocês estão abertos não é mesmo?

William então apertava os olhos enquanto sorria e dizia:

-Isso se não lhe for atrapalhar, mi Lady.

Enquanto terminavam a conversa, um dos homens de William desce do carro e abre a porta para Anabelle, enquanto o outro apenas espera a Malkaviana responder se o Algoz poderia ou lhe acompanhar, para que também abrisse a porta de seu senhor.
avatar
William Reddington

Mensagens : 227
Data de inscrição : 18/11/2015

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Anabelle-William

Mensagem por Anabelle em Qua Maio 25, 2016 4:06 pm

*Anabelle assente positivamente com a cabeça*

-Sim, acredito possuir os melhores whiskys, Edward tem predileção por destilados. Creio que há uma gama variada em meu refúgio.

*Ele deixa o carro assim que o lacaio de William abre a porta. Aguarda que o ventrue desça para conduzi-lo para o interior de seu estabelecimento.*

-Será um imenso prazer mostrar-lhe  tudo.

*O tom de  voz de Anabelle era efusivo e amistoso.*
avatar
Anabelle

Mensagens : 80
Data de inscrição : 05/03/2016

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ruas centrais

Mensagem por Narrador em Qua Maio 25, 2016 5:37 pm

[Próximo post William e Anabelle: Loja de penhores]
avatar
Narrador
Admin

Mensagens : 1230
Data de inscrição : 17/11/2015

Ver perfil do usuário http://austinnoturno.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Ruas centrais

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 7 de 11 Anterior  1, 2, 3 ... 6, 7, 8, 9, 10, 11  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum